Blog Merece Destaque Blog Merece Destaque Author
Title: Saiba mais sobre diabetes, suas causas, sintomas e tratamento
Author: Blog Merece Destaque
Rating 5 of 5 Des:
O diabetes é uma síndrome metabólica de origem múltipla, decorrente da falta de insulina e/ou da incapacidade de a insulina exercer adequ...
O diabetes é uma síndrome metabólica de origem múltipla, decorrente da falta de insulina e/ou da incapacidade de a insulina exercer adequadamente seus efeitos, causando um aumento da glicose (açúcar) no sangue. O diabetes acontece porque o pâncreas não é capaz de produzir o hormônio insulina em quantidade suficiente para suprir as necessidades do organismo, ou porque este hormônio não é capaz de agir de maneira adequada (resistência à insulina). A insulina promove a redução da glicemia ao permitir que o açúcar que está presente no sangue possa penetrar dentro das células, para ser utilizado como fonte de energia. Portanto, se houver falta desse hormônio, ou mesmo se ele não agir corretamente, haverá aumento de glicose no sangue e, consequentemente, o diabetes.

O diabetes é uma doença muito comum no país. De acordo com o Ministério da Saúde, ele atinge 5,6% da população adulta e é mais comum nas mulheres, além disso, elas têm mais dificuldade de controlar o diabetes por conta das mudanças hormonais que sofrem durante o mês como TPM e menstruação.

Alguns dos sintomas mais comuns do diabetes são: fadiga, sede excessiva, visão turva, perda de peso, dormência, feridas que demoram a cicatrizar, gengivas vermelhas e inchadas.

Para o controle do Diabetes, além da alimentação, é importante fazer o monitoramento constante da glicose, a administração correta dos remédios e mudar o estilo de vida. Tudo isso, claro, com a orientação de um especialista. A prática de exercícios físicos também é muito importante.

Veja algumas dicas indispensáveis para o controle da doença:

1. Mantenha o prato colorido.

2. As hortaliças podem ser consumidas sem restrições.

3. As frutas devem ser consumidas com precaução. Como elas possuem a frutose, procure consumi-las como sobremesa e adicione aveia ou linhaça, por exemplo.

4. Os alimentos integrais oferecem mais nutrientes e fibras, que são importantes, pois retardam a velocidade de absorção da glicose, o que favorece o controle da glicemia. Abacate, azeite de oliva, castanhas, nozes e feijão branco também têm este papel.

5. As inflamações são frequentes. Para controlar, consuma os alimentos que contenham o ômega 3 como a sardinha, o salmão e a linhaça.

6. O fato de não comer carboidrato não dispensa o uso da insulina. Segundo o Ministério da Saúde, o carboidrato eleva a glicemia com maior rapidez. Quem tem diabetes tipo 1 precisa da insulina de qualquer maneira, já que o pâncreas não produz. No caso do diabetes tipo 2, o uso da insulina depende do controle glicêmico, mas só o médico pode suspender o uso.

7. É mito dizer que comer muito açúcar pode levar à diabetes. O tipo 1 não tem relação com o excesso de açúcar nem de peso, já o do tipo 2 é consequência do excesso de peso.

8. Evite carne de porco, creme de leite, queijos amarelos, frituras, temperos industrializados, frios e embutidos.

9. Produtos diet e light não são liberados. Os adoçantes são a melhor opção na hora de adoçar o cafezinho ou o suco, mas sem excesso.

Outras Dicas importantes são:

Maneire no consumo de bebidas alcoólicas - O consumo de álcool não é proibido, mas deve ser moderado e sempre acompanhado de um alimento, pois o consumo isolado pode causar hipoglicemia. O que pode causar enjoo, tremores pelo corpo, fome excessiva, irritação e dores de cabeça. Também é importante fazer o monitoramento de glicemia antes e depois de consumir bebidas alcoólicas. Cuidado com cervejas e bebidas doces ou à base de carboidratos. Elas têm alto índice glicêmico e podem trazer problemas.

Evite saunas e escalda pés - O diabetes afeta a microcirculação, lesionando as pequenas artérias (arteríolas) que nutrem os tecidos, que atingem especialmente as pernas e os pés. Em função desta alteração circulatória, os riscos de exposição às altas temperaturas e aos choques térmicos podem agravar ou desencadear quadros de angiopatias e outros problemas cardíacos. Além disso, o diabetes afeta a sensibilidade dos pés, e a pessoa pode não perceber a água muito quente ao fazer escalda pés.

Aumente os cuidados com os olhos - As células da córnea do paciente com diabetes não têm a aderência que se encontra na maioria daqueles que não tem diabetes. Essa fragilidade é a porta de entrada para uma série de infecções oportunistas e doenças como catarata e glaucoma.

Controle o estresse - Pessoas com diabetes têm maiores chances de ter ansiedade e depressão. Os pacientes podem sentir uma sensação de ansiedade em relação ao controle da hipoglicemia, da aplicação de insulina, ou com o ganho de peso.

Corte o cigarro - Diabetes e cigarro multiplicam em até cinco vezes o risco de infarto. As substâncias presentes no cigarro ajudam a criar acúmulos de gordura nas artérias, bloqueando a circulação. Consequentemente, o fluxo sanguíneo fica mais e mais lento, até o momento em que a artéria entope. Além disso, fumar também contribui para a hipertensão no paciente com diabetes.

Cuide da saúde bucal - A higiene bucal após cada refeição para o paciente com diabetes é fundamental. Isso porque o sangue dos portadores de diabetes, com alta concentração de glicose, é mais propício ao desenvolvimento de bactérias. Por ser uma via de entrada de alimentos, a boca também recebe diversos corpos estranhos que, somados ao acúmulo de restos de comida, favorecem a proliferação de bactérias. Realizar uma boa escovação e ir ao dentista uma vez a cada seis meses é essencial.

A melhor maneira de adequar essas dicas ao seu dia a dia é consultar um especialista. Cada caso é um caso e só ele vai poder orientar sobre o cardápio ideal para você. Cuide-se!

Fontes: minhavida.com.br e universojatoba.com.br

Anuncie Aqui

Postar um comentário

Ao enviar um comentário, aguarde até que nossa equipe o analise e o publique. Isso é necessário para evitarmos que comentários impróprios sejam mostrados. Comentários com agressões, palavrões ou qualquer tipo de ofensas não são aceitos.

 
Topo