Blog Merece Destaque Blog Merece Destaque Author
Title: "Nossa bandeira é a Educação"! Desabafa professora de Santa Cruz do Capibaribe
Author: Blog Merece Destaque
Rating 5 of 5 Des:
A professora da rede municipal de ensino de Santa Cruz do Capibaribe, Elieudes Bezerra, publicou uma nota nas redes sociais no último dom...
A professora da rede municipal de ensino de Santa Cruz do Capibaribe, Elieudes Bezerra, publicou uma nota nas redes sociais no último domingo (29), em que ressalta a luta da classe dos professores por melhorias na educação e, em tom de desabafo, diz: "não PRECISAMOS e não QUEREMOS que políticos aproveitadores montem seus palanques com nossas falas e o nosso movimento"!

Confira na íntegra, o texto publicado pela professora no Facebook:

Temos observado o comportamento de alguns políticos da nossa cidade querendo se aproveitar da luta Histórica que tem o (sindicato dos professores), aqui em Santa Cruz do Capibaribe e demais municípios do nosso estado! Nossa categoria não precisa mais provar que REPROVOU o governo MAIA quando fez atrocidades com alunos e professores da rede municipal com suas atitudes de 0% de reajuste salarial chegando a congelar os salários de uma categoria que servia de referencia na região, não podemos esquecer a perseguição com este sindicato quando barraram o desconto dos associados por mais de 03 anos na tentativa de destruir a nossa organização, quando cortaram o salário da representante do sindicato (Luciene Cordeiro), que ficou sem receber salário mais de 02 anos e sequer era repassado a contribuição previdenciária lhe causando um grande prejuízo, quando a liberdade de expressão era tolhida e não era garantida a fala do sindicato quando solicitava nas capacitações, quando colocaram cadeados nos portões das escolas para representantes do sindicato não entrar e tem muito mais.
A categoria com muita luta resistiu e sobreviveu a tudo isso, voltou a recuperar seus reajustes, reestabeleceu na justiça a contribuição em prol do sindicato, porém marcas ficaram registradas na História e não permitiremos jamais voltar a momentos retrógrados em nossa história de educadores. Quando este Sindicato denunciou o escândalo da merenda, provou que estava buscando a melhoria na educação, quando demonstrou a forma como os alunos tomavam água nas escolas em recipientes inadequados, provou mais uma vez que educação pública precisava oferecer um serviço pautado na qualidade, quando colocava em sua pauta de reivindicações retiradas das assembleias acaloradas pela voz daqueles que estão diariamente nas salas de aulas ganhou respaldo nas comunidades com alunos, pais e demais autoridades da cidade.
Portanto não PRECISAMOS e não QUEREMOS que políticos aproveitadores vermelhos, azuis, amarelos, verdes, montem seus palanques com nossas falas e o nosso movimento! Nos dias atuais temos conseguido avançar em alguns pontos levantados pela categoria, sem precisarmos de apadrinhados políticos aproveitadores, como água de qualidade para os alunos, buscando manter o diálogo entre professores, secretaria de educação e governo municipal, o mesmo percentual de reajuste do piso (colocamos o reajuste do piso porque consideramos como avanço da categoria sim, pois já houve caso de perdermos até 6%, no ano em que o reajuste foi 22% e só conseguimos 16%, quando em outras situações já perdemos também até 06 meses do reajuste, quando começamos receber em agosto), enquadramento de 1/3 da jornada nos vencimentos, educação de Jovens e adultos no turno da noite, porém não vamos deixar desmerecer que temos continuado na busca pelo cumprimento das metas nas leis que gerem a nossa educação.
Que ao vermos o cargo da secretaria de educação ser ocupado por um advogado isso foi de encontro ao que tínhamos buscado junto aos candidatos a prefeito que se comprometeram com a categoria que essa secretaria seria preenchida por um professor! Nunca concordamos com o aluguel de imóveis para a criação dos CENTROS DE EDUCAÇÃO INFANTIL! Queremos prédios próprios!
Pleiteamos um calendário de pagamento! Discordamos e levantamos a voz quando vimos imagens meramente ilustrativas dos alunos segurando pratos de merenda que não representa a realidade! Não admitimos que acordos feitos com a categoria sejam descumpridos como foi o caso do retroativo que atrasou a 1ª parcela em 15 dias e a 2ª parcela que era para final de outubro não foi pago ainda.
Portanto a busca por uma educação publica de qualidade sempre foi e será a nossa BANDEIRA.
  • Queremos melhores condições de trabalho;
  • Queremos nos livrarmos dos aluguéis, queremos construções de espaços públicos suficientes para colocar a nossa demanda de alunos;
  • Queremos a Conclusão das obras iniciadas e desprezadas, quadra da Escola Lindalva no Santo Agostinho, quadra da Escola Orlandina no Dona Dom, quadra da Escola João Maia no Nova Morada;
  • Queremos Climatização das nossas salas de aula, para que nossas crianças e professores não derretam no calor; 
  • Queremos Merenda de qualidade para todos os alunos com o acompanhamento do cardápio;
  • Queremos Calendário de pagamento dentro do mês trabalhado;
  • Queremos Recuperação e manutenção das escolas;
  • Queremos Transporte escolar de qualidade;
  • Queremos Eleição direta para os gestores das escolas, com mais condições de trabalho para os mesmos.

Anuncie Aqui

Postar um comentário

Ao enviar um comentário, aguarde até que nossa equipe o analise e o publique. Isso é necessário para evitarmos que comentários impróprios sejam mostrados. Comentários com agressões, palavrões ou qualquer tipo de ofensas não são aceitos.

Traduzir / Translate

 
Topo