1 de agosto de 2016

Pássaros silvestres criados em cativeiro são apreendidos em Santa Cruz do Capibaribe


Uma operação da equipe de Meio Ambiente do município de Santa Cruz do Capibaribe com apoio da Guarda Civil Municipal (GCM), na manhã desta segunda-feira (01), resultou na apreensão de pássaros silvestres, criados irregularmente em gaiolas.

Segundo informações, a equipe de Meio ambiente foi informada por meio de denúncias anônimas que em uma residência no Bairro Polis Pacas havia a criação irregular de pássaros, além de uma arma de fogo usada para caçar.

A equipe da GCM realizou uma revista no imóvel e constatou a veracidade da denúncia. No local foram encontradas 15 gaiolas e algumas espécies de pássaros como sabiás, galos de campina e azulões, estes últimos estão ameaçados de extinção.

Lindoaldo Gomes de Souza foi identificado como sendo o responsável pela criação irregular. Os pássaros deverão ser analisados e reintroduzidos na natureza.

De acordo com o Artigo 29 da Lei de Crimes Ambientais é crime matar, perseguir, caçar, apanhar, utilizar espécimes da fauna silvestre, nativos ou em rota migratória, sem a devida permissão, licença ou autorização da autoridade competente. A Pena é de seis meses a um ano de detenção e multa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AddToAny

Traduzir / Translate