Gianecchini e Lula se encontram no hospital em SP onde fazem tratamento contra câncer

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ator global Reynaldo Gianecchini se encontraram nesta quarta-feira (25) no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, onde os dois fazem tratamento contra o câncer.

Segundo a assessoria de Lula, o ex-presidente e Gianecchini conversaram durante meia hora. Lula estava acompanhado de sua mulher, Marisa Letícia, e Ginecchini estava com a sua mãe, Heloisa Helena.

Nesta quarta-feira, Lula fez a 16ª das 33 sessões de radioterapia, que devem ser a fase final do tratamento do câncer na laringe, diagnosticado em outubro.

Na terça-feira, o ex-presidente foi ao Palácio do Planalto para a concorrida cerimônia em que o petista Fernando Haddad deixou o Ministério da Educação, pasta que comandou por sete anos, para concorrer à Prefeitura de São Paulo.

Mesmo sem discursar, Lula foi aplaudido longamente em dois momentos, especialmente quando tirou o chapéu, exibindo a cabeça raspada por conta do tratamento.

Em dezembro, o ex-presidente encerrou o ciclo da quimioterapia principal. Segundo os médicos, o tumor na laringe, que tinha três centímetros de diâmetro, teve uma redução de 75% de outubro a dezembro do ano passado.

Gianecchini

Gianecchini recebeu o diagnóstico de linfoma não Hodgkin de células T, que afeta o sistema imune, no ano passado. Ele está internado no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, desde o início de janeiro.

No último dia 12, Gianecchini recebeu uma infusão de células-tronco, coletadas de seu próprio sangue.

Segundo disse a amigos, o autotransplante de medula óssea a que ele se submeteu foi bem-sucedido.

Fonte: Instituto Lula
Anterior
Próxima

Blogueiro, editor do blog Merece Destaque, apaixonado por comunicação e por fotografia, Almir Neves gosta de inovar e aceitar novos desafios.

0 Comentários: