“Pernambuco não vai aceitar aumento da Celpe maior que a inflação”, diz Eduardo da Fonte

“O pernambucano não aguenta mais ser explorado, pagar uma das mais altas tarifas de energia e receber o péssimo serviço prestado pela Celpe”, diz o deputado federal Eduardo da Fonte, 2º Vice-Presidente da Câmara.

A Celpe vai pedir um aumento de 8,22% na conta de luz. O reajuste médio ao consumidor seria de 5,61%, bem acima dos índices oficiais. O IGP-M (Índice Geral de Preços do Mercado, calculado pela Fundação Getúlio Vargas) do período é de 3,16%. Além disso, os encargos setoriais, que são usados para justificar o alto preço cobrado pela energia, baixaram no período: de 2011 para 2012 a redução dos encargos setoriais foi de -8,6%.

Todo ano a Celpe pede um reajuste na tarifa, que deve ser autorizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica. A audiência que vai anunciar o aumento na conta de luz de Pernambuco será no dia 24 de abril. “Estarei lá nessa reunião para cobrar respeito ao povo de Pernambuco. Se a Aneel autorizar esse aumento, estará confirmando mais uma vez que não defende o direito do consumidor. A Aneel não pode ser conivente com os ganhos abusivos da Celpe, que só no ano passado teve um lucro líquido de pelo menos 280 milhões de reais”, diz Eduardo da Fonte.

Contra o lucro abusivo da Celpe

Eduardo da Fonte defende Pernambuco em reunião da Aneel e avisa que já pediu auditoria ao TCU e ao MPF.

O deputado federal Eduardo da Fonte foi à reunião da Aneel em Brasília e se manifestou contra o aumento concedido pela agência à Celpe. “Esses aumentos irão prejudicar o trabalhador pernambucano, a família pernambucana. Não podemos permitir que a Celpe bata recordes de lucro enquanto o povo pernambucano perde o poder de alimentar melhor seus filhos, de poder dar uma condição melhor de vida a sua família”, afirmou Eduardo da Fonte. “O lucro líquido da Celpe cresceu quase 35 vezes entre 2002 e 2010, segundo dados divulgados pela própria empresa. Em 2010, a Celpe teve lucro líquido de 448 milhões de reais. Tem alguma coisa errada. Esse lucro não é decorrente da eficiência da empresa, é decorrente do sacrifício do povo pernambucano”.

Segundo Vice-Presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo da Fonte também criticou a baixa qualidade dos serviços prestados pela Celpe: “as interrupções de energia elétrica são constantes em Pernambuco. Ano passado estive em Araripina, e a energia elétrica sofreu interrupção 3 vezes, por mais de 1 hora. Não é só o preço que é caro, o serviço da Celpe é muito ruim”.

Blog Merece Destaque
Com Assessoria de Eduardo da Fonte
Anterior
Próxima

Blogueiro, editor do blog Merece Destaque, apaixonado por comunicação e por fotografia, Almir Neves gosta de inovar e aceitar novos desafios.

0 Comentários: