Maestro Welington, literalmente, bota a boca no trombone

Nesta terça-feira (30) aconteceu uma reunião na sede da Banda Novo Século onde foi apresentada e discutida a proposta  de reestruturação.

MAESTRO WELINGTON ARAUJO
O presidente da Sociedade Musical Novo Século apresentou um projeto, no entendimento de todos os presentes bem audacioso, para que a banda pudesse sair da quase letargia em que se encontra e desse um salto em qualidade e fosse tratada como fator importante na formação de músicos e também de cidadãos preocupados com a difusão da cultura.

JOSÉ GOMES FILHO
                          
Vários representantes da sociedade civil organizada e também do poder público estiveram presentes e discutiram e apresentaram várias ideias que podem melhorar o projeto. Entre elas a criação do Conselho Consultivo, sugerida por Gustavo Bezerra.

FÁBIO LOPES
                                 
Fábio Lopes disse que a CDL vai ajudar nessa empreitada. Menininho da ASCAP também falou da importância da união em torno do projeto e disse que também será um parceiro para divulgar e fazer o possível para que a banda seja reestruturada.

IGOR ALEIXO
O músico Igor Aleixo também participou da reunião e disse: "As ideias do presidente Welington são muito válidas e ele foi feliz em dizer que quer manter isso aqui por pelo menos mais cem anos. É um projeto ousado, más se todos se comprometerem eu acho que o projeto é viável e pode se tornar realidade"

EDMAURO TORRES
Edmauro Torres, representando o deputado Diogo Moraes, falou da importância da instituição e também de uma emenda do deputado no valor de R$ 25.000,00 que a entidade ainda não recebeu por causa da documentação da Banda não estar devidamente em dia.

Marcos Henrique, advogado e representando a OAB, disse: "A OAB propõe que junto ao poder judiciário, junto  ao ministério público, possa haver uma ajuda para essa instituição. Como a OAB está preocupada com as causas sociais e com a inclusão vai trabalhar no sentido de conseguir pelo judiciário que haja destinação de verba, na forma de TCO, para que a banda tenha essa ajuda. O projeto é viável e a a gente deve sonhar alto. O maestro propõe algo que a gente concorda que é preciso fazer. Ter uma banda estruturada, que faça um trabalho bonito. Eu abraço a ideia de Welington", concluiu.

O diretor de cultura Gilberto Geraldo resumiu: " A reunião foi muito proveitosa, pois era necessária essa conversa. Entre os pontos levantados achei a ideia de criar o conselho consultivo um ponto interessante e fundamental. Fiquei preocupado com a possibilidade da banda parar com os concertos. A busca de novos caminhos é essencial, pois nos momentos de crise é que surgem as novas ideias, por isso foi de suma importância essa reunião aqui hoje".
MAURO BALBINO, DAVI, GUSTAVO BEZERRA E GILBERTO GERALDO

O maestro Welington falou: " Fazia tempo que se via tanta gente assim reunida num propósito de querer fazer algo pela instituição. Tivemos a presença do poder judiciário, do poder público, classe empresarial, pessoas físicas, sócios. A gente já saiu daqui com a formação de uma comissão e já definido o próximo passo que vamos dar. Primeiro com relação a estrutura da instituição. A aquisição do material que se faz necessário. O projeto de manutenção desse material foi discutido. Dentro do que foi discutido nós iremos criar um plano de execução e cumprindo as etapas, realmente iremos colocar em prática tudo que sonhamos. Transformar a instituição numa entidade profissionalizante. Os recursos existem e sentimos que várias pessoas querem ajudar".

Outras reuniões acontecerão e esperamos que a instituição receba a devida atenção do poder público e de toda a sociedade. Uma parte importante de nossa história não deve e não pode morrer.

Jairo Gomes. Contatos: (81)94157140 jairogaraujo@gmail.com
Anterior
Próxima

0 Comentários: