Com Magrão inspirado Sport elimina o Náutico e avança na Copa Sul-Americana

Ao soar o apito do árbitro, encerrando o segundo tempo, os aplausos da torcida alvirrubra diziam tudo. O Náutico fez por onde merecê-los ao devolver o placar da Ilha do Retiro. A vitória por 2 a 0 na Arena Pernambuco levou o duelo contra o Sport para os pênaltis, e aí brilhou a estrela de Magrão. O maior ídolo da torcida rubro-negra defendeu três cobranças, o Leão fez 3 a 1 e classificou-se às oitavas de final da Copa Sul-Americana.

Perderam Olivera, Tiago Real e Rogério. Do lado rubro-negro, marcaram Felipe Azevedo, Marcelo Cordeiro e Patric. Nenhum gol foi tão festejado quanto as defesas de Magrão, herói do clube que defende desde 2005. O Leão será o representante de Pernambuco na fase internacional do torneio, e o próximo adversário é o tradicional Libertad, do Paraguai, que eliminou o Mineros Guayana, da Venezuela, na noite desta quarta-feira. As datas do confronto ainda serão divulgadas.

Fonte: Globoesporte.com
Anterior
Próxima

0 Comentários: