Magalu

Estudantes pernambucanos concorrem a prêmio da Fórmula 1

Duas equipes do SESI-PE representarão o Estado no campeonato mundial de empreendedorismo e tecnologia F1 In Schools.


Duas equipes do Serviço Social da Indústria de Pernambuco (SESI-PE) representarão o Estado na etapa nacional do campeonato mundial de empreendedorismo e tecnologia da Fórmula 1, o F1 In Schools, entre os dias 6 e 8 de março, no Pavilhão da Bienal, em São Paulo. A GRT, do SESI Goiana, e a Polarity, do SESI Paulista, foram desafiadas a criar uma empresa que funcionará como uma escuderia, além de projetar, modelar e construir um protótipo de um carro de Fórmula 1 que disputará corridas de velocidade em uma pista em miniatura.

O torneio estimula que participantes de 9 a 19 anos ampliem as percepções e conhecimentos em ciências, tecnologia, engenharia e matemática, assim como planejem e executem ações de marketing, busquem patrocinadores e divulguem a escuderia nas mídias sociais. Unidos em times de três a seis pessoas, os competidores

apresentarão o portfólio e disputarão corridas de velocidade com as miniaturas de carro de Fórmula 1 impulsionadas apenas por um cartucho de gás contendendo oito gramas de dióxido de carbono (CO²) em uma pista de 20 metros. Nesta edição, quase 40 equipes brasileiras competirão no F1 In Schools e os melhores avaliados passarão para a fase mundial, que acontecerá em Singapura. Os vencedores serão premiados com estágios na equipe da Fórmula 1.

De Pernambuco, apenas duas equipes participarão do F1 In Schools e, inclusive, estão nos preparativos finais e em fase de treinamento para desembarcar em São Paulo e concorrer à vaga na disputa internacional. A GRT - formada por alunos do SESI Goiana, Maria Eduarda Gomes, Júlia Cirino, Maria Cecília Rodrigues, Luis Felipe de Souza, Glauciano Rabelo e Lucas Lima - já está com o carro pronto e aprimorando a apresentação do projeto. “Fizemos testes de aerodinâmica no software Fusion 360 e confeccionamos nosso próprio túnel de vento. Nosso carrinho tem 18,9cm de comprimento, 5,2cm de largura e 5,45cm de altura. Estamos confiantes e trabalhando muito para alcançar uma boa colocação na competição”, comentou a gerente de Marketing da equipe, Júlia Cirino.

Já a Polarity, cujos integrantes são os alunos do SESI Paulista, Everton Freitas, Davi Barbosa, Débora Pessoa, Willany Gabrielly, Maria Eduarda Correia e Gabriel Nunes, está se preparando para a disputa desde o começo de dezembro. Para o gerente geral do time, Everton Freitas, o campeonato proporciona um aprendizado amplo, indo além das corridas de carro. “A competição me fez aprender bastante sobre física para projetar o carrinho, descobrir novas áreas e também a criar empatia e me colocar no lugar de outras pessoas por meio das ações sociais que realizamos em Paulista e região”, disse.

F1 IN SCHOOLS

Promovido pelo Departamento Nacional do SESI e realizado pela quinta vez no Brasil, o F1 In Schools é vinculado à Fórmula 1 e visa preparar alunos do Ensino Médio para os desafios do mundo do trabalho. Os competidores são envolvidos em todas as etapas, desde a criação de uma escuderia de F1, a construção de carros em miniatura, montagem de pits e boxes da competição até o enfretamento nas pistas.

Postar um comentário

0 Comentários