Magalu

Servidores da Saúde recebem salários incompletos e cobram seus direitos, em Santa Cruz do Capibaribe


Servidores públicos da Saúde do município de Santa Cruz do Capibaribe reclamaram da gestão pública do município após  receberem seus salários do mês de novembro incompleto. Nesta segunda-feira, 14 de dezembro, vários servidores foram até a Secretaria Municipal de Saúde, depois procuraram a Promotoria de Justiça e foram também até a prefeitura em busca de resolver a situação.


A prefeitura pagou os salários dos servidores na sexta-feira (11), porém cortou gratificações e reduziu a insalubridade de servidores da saúde que atuam no combate à pandemia do Coronavírus.


De acordo com alguns servidores, a UPA do município só está atendendo casos de grande urgência, porque após a eleição em que o grupo do atual prefeito foi derrotado nas urnas, o quadro de servidores da unidade foi reduzido e além disso faltam materiais básicos para os atendimentos como luvas e máscaras.

Através de nota, a Assessoria da Prefeitura informou que a situação dos descontos nos salários teria sido um equívoco no sistema de pagamentos e que a situação será resolvida o mais rápido possível e sobre uma possível desativação do SAMU, foi informado que o serviço não foi desativado, apenas as ambulâncias estão em manutenção.

Postar um comentário

0 Comentários