STF valida cota racial em universidades


Em decisão unânime, Supremo valida cota racial em universidades.

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/ABr.

O STF (Supremo Tribunal Federal) decidiu nesta quinta-feira (26) por unanimidade que o sistema de cotas raciais em universidades é constitucional. O presidente do STF, Carlos Ayres Britto, iniciou seu voto --o último dos ministros-- por volta das 19h30, antecipando que acompanha o voto do relator Ricardo Lewandowski.

Em um voto de quase duas horas, o ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Ricardo Lewandowski, afirmou ontem (25) que o sistema de cotas em universidades cria um tratamento desigual com o objetivo de promover, no futuro, a igualdade.

Para ele, a UnB cumpre os requisitos, pois definiu, em 2004, quando o sistema foi implantado, que ele seria revisto em dez anos. "A política de ação afirmativa deve durar o tempo necessário para corrigir as distorções."

Fonte: Folha Online

Postar um comentário

2 Comentários

Matheus disse…
Aproveito para dar os parabéns!