Pesquisar neste blog

20 de agosto de 2018

Multidão e tumulto no enterro de Deivison Kellrs, vocalista da banda Torpedo

Foto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco
Houve tumulto, comoção e várias homenagens durante a despedida de Deivison Kerlls. O corpo do cantor de brega pernambucano da banda Torpedo, que morreu aos 30 anos, foi sepultado na tarde desta segunda-feira (20), no cemitério de Santo Amaro, região central do Recife. 

De acordo com fãs que estiveram no local, um segurança utilizou uma arma de choque para afastar a multidão que se aglomerava em frente ao túmulo do artista, o que acabou gerando momentos de correria.

Foto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco
Foram relatados furtos durante a confusão. O garçom Felipe Fernando, de 24 anos, teve a carteira, contendo documentos e dinheiro, roubada enquanto corria do tumulto. “É triste, num momento como esse, as pessoas se aproveitarem da situação”, lamentou a vítima.

Foto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco
Além de familiares e amigos, os fãs compareceram ao enterro. Aplaudindo e cantando alguns dos maiores sucessos da banda Torpedo, centenas de pessoas acompanharam o corpo do cantor ser colocado em uma das gavetas do cemitério.

Deivison Kellrs lutava contra um câncer de fígado desde 2017. No dia 4 de agosto, ele foi internado em um hospital particular do Recife e faleceu no último domingo (19).

Por: Daniel Medeiros, da Folha de Pernambuco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AddToAny

Traduzir / Translate