Ipem e Procon inspecionam balanças e retiram alimentos vencidos de circulação


Equipes do Instituto de Pesos e Medidas de Pernambuco (Ipem-PE) e Procon/PE, ambos vinculados à Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (SJDH), estiveram, na manhã desta sexta (22.03), nos bairros de Beberibe e Encruzilhada, na Zona Norte do Recife, numa fiscalização em mercados públicos e supermercados.

A ação visa garantir a segurança na qualidade dos produtos e que o consumidor não seja lesado na hora da compra. Durante a fiscalização, o Ipem inspecionou 62 balanças, quatro foram notificadas por não estarem com o display visível ao consumidor, e uma por apresentar o lacre rompido. Entre os produtos pré-embalados, dois estabelecimentos foram vistoriados, sem registro de irregularidade.


Acompanharam a inspeção o secretário de Justiça e Direitos Humanos, Pedro Eurico, a secretária-executiva de Justiça e Promoção dos Direitos do Consumidor, Mariana Pontual, além de gerentes e coordenadores dos dois órgãos. “Infelizmente encontramos irregularidades que lesam o consumidor e colocam em risco a sua saúde”, afirmou Eurico. 

Os técnicos do Procon retiraram de circulação cerca de 30 quilos de produtos vencidos, entre sobrecoxa de frango, salsicha, carne de sol e molho de tomate, esse último com prazo expirado no dia 19 de março. Esta semana, equipes do Procon/PE também estiveram em Petrolina e Goiana onde descartaram diversas bebidas como refrigerantes e sucos vencidos.

OUTRAS APREENSÕES – No último sábado (16.03), uma fiscalização do Procon/PE e Ipem/PE, nos mercados de Prazeres, em Jaboatão dos Guararapes, e de São José, centro do Recife, apreenderam 35 balanças e descartaram cerca de dez barras de queijos. 

Fotos: Ray Evllyn/SJDH
Anterior
Próxima

Blogueiro, editor do blog Merece Destaque, apaixonado por comunicação e por fotografia, Almir Neves gosta de inovar e aceitar novos desafios.

0 Comentários: