Magalu

Empreendedor brasileiro cria máquina de desinfecção de pessoas e objetos com baixo consumo de energia


Como será a vida quando o isolamento acabar? A população se sentirá segura para frequentar ambientes como os shoppings, restaurantes, lojas, salas de espetáculos ou estádios? Foram essas questões que fizeram com que o empreendedor e engenheiro Alaor Ferreira da Cruz Junior criasse em sua startup, em Goiânia, uma máquina capaz de auxiliar na desinfecção de pessoas, roupas e equipamentos, e que poderia ser utilizada em empresas, estabelecimentos comerciais, espaços públicos, além de ambientes hospitalares.

Em um formato de cabine, a Asepsis Machine, necessita apenas estar ligada em uma tomada de energia elétrica para que 60 micropontos lancem jatos com uma mistura de hipoclorito de sódio e água, fórmula indicada pela OMS (Organização Mundial da Saúde) para promover em alguns segundos, a esterilização do que estiver em seu interior. A máquina está em conformidade com as especificações da NR12 (norma regulamentadora que tem por objetivo garantir que máquinas e equipamentos sejam seguros para o uso do trabalhador).

Foram realizados mais de 2 mil testes no Hospital Santa Casa de Misericórdia em Goiânia (GO) para desinfecção das equipes de médicos e enfermeiros e no CREA-GO. A máquina pesa 120 kg, não necessita de instalação e tem consumo de energia baixo.

Postar um comentário

0 Comentários