Ministério Público manifesta-se pelo indeferimento do processo de Dida de Nan contra Allan Carneiro


O promotor de Justiça Eleitoral Lúcio Carlos Malta Cabral emitiu na quinta-feira, 13 de agosto, parecer contrário a uma ação movida pelo pré-candidato Dida de Nan (PSDB) contra o também pré-candidato Allan Carneiro (PSD), acusando-o de criar fake news quando Allan afirmou que Dida negociou secretarias em um possível futuro governo com integrantes do PSL em troca de apoio político para as eleições municipais de 2020.

"Quando o réu (ALLAN CARNEIRO) afirma que foram oferecidos cargos ao PSL e que por isso tal partido se aliou ao projeto de DIDA DE NAN, não se está contando nenhum fato sabidamente inverídico ou potencialmente lesivo para o autor, já que o representado comprovou a veracidade de suas informações". Diz um trecho da decisão.

Postar um comentário

0 Comentários