Detran-PB vai cancelar carteiras de habilitação fraudulentas

Detran-PB vai cancelar carteiras de habilitação fraudulentas
O Detran vai cancelar as carteiras de habilitação emitidas de forma fraudulenta e que foi desbaratada pela Operação "Espelho de Prata", deflagrada pelas polícias Civil e Rodoviária Federal nesta segunda-feira (14). A informação foi confirmada pelo coronel Francisco, superintendente do Detran paraibano.


O coronel lembrou que a operação teve como ponto de partida sindicâncias, realizadas pelo próprio Detran, e que acabaram gerando inquéritos administrativos e até demissão de servidores.

O coronel fez questão de destacar que confia na idoneidade dos servidores do órgão e que estes não podem pagar pelos erros dos poucos que se envolvem em irregularidades.

O superintendente lembrou dois casos recentes em que, graças à experiência de servidores da clínica de psicologia, foi possível evitar que terceiros fizessem provas no lugar de candidatos à carteira nacional de habilitação.


Horário Especial

Em função da instalação do Sistema de Gestão de Qualidade no Detran, o órgão irá funcionar nesta quarta-feira (16) até o meio-dia, voltando ao atendimento normal na quinta.

Executivo e Guarda Municipal se reúnem quinta-feira

Depois da paralisação de boa parte da Guarda Municipal de Santa Cruz do Capibaribe, a prefeitura sinalizou positivamente por fim ao movimento grevista.


Desde o dia 12, data em que começaram os festejos juninos no município, a GM trabalha com grande desfalque, visto que, de acordo com o assessor de imprensa do Sindicato dos Guardas Civis e Agentes de Transito Municipais do Agreste de Pernambuco, Luiz Edinaldo (foto), a maioria dos profissionais aderiu ao movimento.
fonte: Portal Agreste PE
foto: Elinaldo Ventura

São João de Santa Cruz terá início neste sábado 12 de junho


SÃO JOÃO 2010 "LENINHO SANFONEIRO"


A programação do São João de Santa Cruz do Capibaribe, terá início no dia 12 e vai até o dia 29 de Junho, conforme adiantou o Prefeito Toinho do Pará. Um mega Pátio de Eventos foi montado ás margens da PE- 160 – o local está sendo preparado com toda a infra-estrutura necessária para garantir a diversão, lazer e segurança dos forrozeiros de Santa Cruz e região.

Confira a programação do Palco principal:

Dia 12 Limão com Mel, Banda Flor de Lóttus e Banda Garota Dengosa


Dia 13 Território Nordestino e Forrozão do Matricó


Dia 18 Mel com Terra e Banda Loucuras de Amor


Dia 19 Vilões do Forró, Forró Chicote e Banda Sahara


Dia 23 Maria Cecília e Rodolfo, Banda Pinga Fogo e Toinho Catanha


Dia 24 Vicente Nery e Cheiro de Menina e Banda Garota Dengosa


Dia 26 Banda 100 Pareia e Forró no Kilo e


Dia 27 Banda Capim Com Mel e Forrozão do Matricó e


Dia 28 Luiz e Davi e o Cantor Assisão


Dia 29 Banda Calypso, Toinho Catanha e Banda Loucuras de Amor

Informações:

Risoní Santos - ASCOM da PMSCC - 9439.2006

Antonio Carlos (Toinho Sulanca) - Coordenador do Evento - 9937.0482

Esta programação poderá sofrer modificações!

Fonte: Assessoria

Denatran adia obrigatoriedade para cadeirinhas em veículos

Denatran adia obrigatoriedade para cadeirinhas em veículos
BRASÍLIA - O Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) decidiu, nesta terça-feira, adiar o início da obrigatoriedade do uso de dispositivos de segurança para crianças de até 7 anos em veículos de passeio. O uso da cadeirinha passaria a ser obrigatório a partir desta quarta-feira, mas foi adiado após a da falta do produto no mercado.


Quem descumprisse a resolução cometeria infração gravíssima, punida com multa de R$ 191,54, mais sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). O veículo poderá ser retido até a regularização. De acordo com o Conselho Nacional de Trânsito (Contran), a medida visa a estabelecer condições mínimas de segurança para o transporte. Os diretores do Contran decidiram, após reunião, que a regra passará a valer a partir do dia 1º de setembro.

De acordo com a medida, crianças de até 7 anos deverão ser transportadas em dispositivos específicos que devem estar de acordo com a altura e peso. São as cadeirinhas, bebês-conforto e assentos de elevação. Já as crianças com até 10 anos deverão usar o cinto de segurança no banco traseiro.

O Ministério Público Federal de São Paulo instaurou inquérito civil para apurar possíveis ilegalidades na resolução que excluía alguns tipos de veículos da norma.

Fonte: Portal Terra

Proprietário de laboratório é preso em Agrestina

Está na Penitenciária Juiz Plácido de Sousa em Caruaru, o empresário Humberto Rodrigues da Silva, de 42 anos. Ele foi preso em flagrante nesta segunda-feira 7, na Farmácia Bom Jesus, de sua propriedade, no município de Agrestina, acusado de comercializar medicamentos de venda proibida, a exemplo  do psicotrópico “Lucitan”.O empresário também é dono da fábrica de medicamentos Pharmus, com sede em Caruaru, onde suspeita-se que foram fabricados os medicamentos controlados de forma clandestina, visto que a fábrica não tem autorização para a produção desse tipo de medicamento.De acordo com o delegado da Polícia Federal, Dário Leitão, no momento da fiscalização da Vigilância Sanitária, o empresário foi flagrado realizando exercício irregular da medicina na farmácia em Agrestina, onde várias pessoas esperavam por atendimento. Humberto Rodrigues foi autuado pelos crimes tipificados.

Fonte: Central de Jornalismo Liberdade
 Foto: Adielson Galvão

Cadeirinha em automóveis passa a ser obrigatória a partir desta quarta


Os pais que ainda não compraram a cadeirinha de carro têm até esta terça-feira (8) para se adaptarem à nova lei de trânsito. A partir de amanhã, as crianças de até sete anos e meio não podem mais andar soltas no banco de trás do carro. As cadeirinhas especiais se tornam obrigatórias e quem não cumprir a regra corre o risco de levar uma multa gravíssima, pagar R$ 191,54 e ganhar sete pontos na carteira.


Em São Paulo, os três primeiros dias serão apenas de orientação. A multa mesmo só será aplicada, segundo CPTran (Comando de Policiamento de Trânsito) da capital paulista, a partir do dia 12. Mas no resto do país, a nova lei estará valendo.

As cadeiras variam de acordo com peso e idade da criança. Até um ano, as cadeiras são do tipo “bebê conforto”, com o assessório virado de costas para o motorista e de frente para o banco do carro, preso ao cinto de segurança. Crianças com idade entre um e quatro anos devem usar as cadeirinhas que também devem ser presas ao cinto.

De quatro anos a sete anos e meio já é possível usar os chamados “assentos de elevação” e usar o cinto de segurança dos veículos. Só a partir dos sete anos e meio é que as crianças passam a usar o cinto de segurança do carro, sem a necessidade das cadeirinhas. O R7 pesquisou os preços das cadeirinhas e preparou um guia para ajudar na escolha do acessório.

As novas regras estão previstas na resolução 277 do Contran (Conselho Nacional de Trânsito), aprovada em 2007. O texto previa uma adaptação de dois anos e por isso a fiscalização vai começar em todo o país na próxima semana. No entanto, a regra livra ônibus e peruas escolares da obrigação. O Contran, órgão ligado ao Ministério das Cidades, já avisou que vai estudar como estender a regra para este tipo de veículo de transporte.

Campanha

Desde o dia 16 de maio o governo federal veicula uma campanha nacional para alertar os pais sobre a nova regra de trânsito. A expectativa é de que a campanha fique no ar até dia 12 de junho, três dias depois de a norma entrar em vigor.

A estimativa do Denatran (Departamento Nacional de Trânsito) é de que o Ministério das Cidades gastou cerca de R$ 9 milhões com a campanha. O material educativo será divulgado na TV, rádio, revistas, internet etc. E parte do material impresso será distribuído aos motoristas.

O Inmetro [instituto ligado ao governo que controla a qualidade dos produtos vendidos no país] tem uma listagem com as cadeirinhas aprovadas e a recomendação de qual modelo deve ser usado em cada faixa etária.

Em 2009, os acidentes de trânsito provocaram a morte de 533 crianças de até nove anos, de acordo com dados do Contran. O número representa 1,56% das 33.996 mortes provocadas por acidentes de trânsito no país.

Sistema Adutor do Congo leva água de qualidade a municípios do Cariri



O governador José Maranhão inaugurou nesta terça-feira (8), o primeiro trecho da segunda etapa do Sistema Adutor do Congo. A obra vai levar água de forma segura e com qualidade aos municípios de Prata, Ouro Velho, Amparo e atenderá uma população estimada em 12 mil pessoas nessas localidades.


Na solenidade de inauguração, Maranhão destacou a importância da água segura e de qualidade para milhares de paraibanos que vivem e trabalham no Cariri. Até o final de agosto, as obras do Sistema Adutor do Congo devem estar concluídas. O projeto beneficiará diretamente cerca de 36 mil pessoas das sedes dos municípios de Prata, Ouro Velho, Amparo, Gurjão, Livramento, Parati e São José dos Cordeiros. O investimento total será de R$ 23 milhões.


Água para todos – “A minha determinação é de que a água da nova adutora chegue a toda população. Tenho consciência exata do significado dos recursos hídricos que se traduz em saúde e desenvolvimento sustentável. O novo sistema vai garantir o abastecimento de água por mais 30 anos e praticamente fechará o circuito das águas no Cariri”, comemorou.

O governador informou que as obras da segunda etapa prosseguem em ritmo acelerado e, inclusive, já foi concluída a etapa de instalação de tubulação destinada aos municípios de Livramento, Gurjão, Parari e São José dos Cordeiros. A etapa do Sistema de Adutora do Congo está prevista para ser incluída no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) II, lançado recentemente pelo governo federal.

No seu percurso pelo Cariri, Maranhão foi recebido por prefeitos, deputados, lideranças políticas e pela população, que foi às ruas agradecer pelo benefício. “A partir de hoje, começamos uma nova etapa que garante a regularização do abastecimento de água nos municípios de Amparo, Ouro Velho e Prata”, declarou.

Mais obras – O governador ainda reiterou que vai intensificar esforços para concretizar as obras referentes aos recursos hídricos, especialmente, aos projetos de irrigação. Além disso, ele fará ações estruturantes em áreas como educação, saúde e estradas. “São segmentos importantes para a melhoria da vida do povo”,observou o chefe de Estado.

O secretário do Meio Ambiente, dos Recursos Hídricos, Ciência e Tecnologia, Francisco Sarmento, lembrou que o sistema adutor foi projetado no âmbito do Plano das Águas, cuja primeira etapa já foi “praticamente executada no segundo governo Maranhão”.

Ele observou ainda que “a adutora vem restabelecer o equilíbrio hídrico a uma das regiões nordestinas mais carentes do Nordeste: o Cariri paraibano. Com a conclusão do Sistema Adutor do Congo, fica praticamente completo o suprimento de água nas sedes dos municípios do Cariri”, destacou.

Uma terceira etapa do Sistema Adutor do Congo está prevista para ser incluída no Programa de Aceleração do Crescimento 2 (PAC 2), recentemente lançado pelo Governo Federal. “O Governo do Estado vem trabalhando de maneira intensa para maximizar a participação da Paraíba no PAC 2, para que não ocorra o mesmo que aconteceu no PAC 1 em 2007, quando o Estado foi um dos menos contemplados em função de não dispor de projetos”, concluiu Sarmento.

Ainda nesta terça-feira, o governador José Maranhão inaugurou a Estação de Bombeamento - 6, na cidade de Ouro Velho, também relacionada com o Sistema Adutor. A solenidade ocorreu na Avenida Jacinto Dantas, na saída para São José do Egito.

Fonte e fotos: Vitrine do Cariri