“Escola no CRAS” aborda Saúde Mental entre os jovens santa-cruzenses


Sensibilizar a comunidade escolar sobre saúde mental é o objeto do “Escola no CRAS: Saúde Mental de Jovens”. O projeto procura atender os jovens para falar sobre temas importantes que atingem a adolescência, apontando consequências e identificando necessidades e apoios para os mesmos.

O projeto funcionará na Praça CEU e atenderá 8 turmas entre o 6º e 9º ano da Escola João Maia Neto. Serão encontros presenciais todas as quintas-feiras com psicólogos e assistentes sociais trabalhando o Bullying.

De acordo com Rogério Vieira, idealizador do projeto e coordenador da juventude, a demanda surgiu durante a Semana Municipal da juventude, onde a direção entrou em contato com os idealizadores falando sobre a realidade de muitos adolescentes na Escola João Maia que sofrem de depressão, bullying, afastamento familiar, entre outros. 

Após a identificação dos alunos que precisam de apoio, os pais serão chamados para participar de rodas de conversa para receberem auxílio em como ajudar seus filhos, e os adolescentes serão encaminhados para tratamentos com psicólogos.
Anterior
Próxima

Blogueiro, editor do blog Merece Destaque, apaixonado por comunicação e por fotografia, Almir Neves gosta de inovar e aceitar novos desafios.

0 Comentários: